Software FarmPlus - LCDPR

Para Contadores, Prestadores de Serviços e Produtores

O FarmPlus - LCDPR é a primeira solução do Brasil específica para atender contadores e prestadores de serviço na geração do LCDPR para seus clientes. Proporciona  ao produtor também uma ferramenta de gestão financeira.

As informações a constar do LCDPR abrangem todo o ano de 2019 a partir de 01/01. É a solução para o LCDPR de seus clientes.


O LCDPR, é mais uma obrigação a ser atendida pelos produtores rurais. 

O FarmPlus LCDPR veio para atender específicamente os escritórios de contabilidade e outros prestadores de serviço que atuam com foco no agronegócio levando a estes profissionais uma ferramenta ágil que possibilite a geração das informações necessárias dentro dos padrões definidos pela Receita Federal evitando retrabalhos e acúmulo de serviço. Mais que gerar o LCDPR é também uma ferramenta de apoio a gestão e Imposto de Renda da Pessoa física a partir do acompanhamento do movimento mes a mes, apuração de resultado para IR e análise gerencial do movimento através de um plano de contas que pode ser definido livremente de forma complementar ao plano de contas padrão do layout definido pela Receita Federal para o LCDPR.

Prático e ágil

100

%

Prático

100

%

Simples

O FarmPlus - LCDPR  

Funcionalidades

Gera o LCDPR

O LCDPR é gerado com base nos layouts oficiais da Receita Federal. As alterações de layout estão cobertas no plano de manutenção do programa 

Importação de NFe

Os arquivos XML das Notas Fiscais Eletrônicas podem ser usados pelo software para gerar a base dos lançamentos no LCDPR.

Imposto de Renda PF

A partir dos lançamentos do LCDPR, o programa realiza os cálculos de apuração do IR mes a mes e Resultados.

Rateios automáticos

Para a geração do LCDPR e apuração de Imposto de Renda o programa realiza de forma automática o rateio dos lançamentos por propriedade a partir das cotas de cada produtor.

Mais que Livro Caixa...

Uma Ferramenta de Gestão de Fazendas

O FarmPlus - LCDPR vai além das obrigações fiscais

Mais que gerar o LCDPR, é possível montar seu próprio plano de contas e estrutura de centros de custos para classificar totas as receitas, despesas e investimentos de forma mais completa que a prevista no layout padrão do LCDPR. Desta forma, contadores e produtores podem usar o programa tanto para acompanhar os valores do Imposto de Renda quanto para análises gerenciais de todo o movimento financeiro.

Dashboards para acompanhamento do movimento conta a conta mes a mes

Contas extendidas e centros de custos para detalhar o movimento 

Possibilita acompanhar mensalmente o movimento através do uso de um plano de contas complementar ao padrão do layout da Receita Federal. Todo o movimento pode ser classificado através de contas definidas pelo operador e de centros de custos criados para cada propriedade.

Pivos para análise dos dados

Facilidade total para acompanhar o movimento mes a mes

O uso de pivos permite ao contador e ao produtor realizar a análise do movimento em cada conta e centro de custos com flexibilidade máxima de forma semelhante as tabelas dinâmicas do Excell. Tudo a partir dos lançamentos padrão gerados para o LCDPR.

Características

Multi-Produtor

O LCDPR é gerado com base nos produtores e suas propriedades. Cadastre e controle seus produtores e propriedades individualmente. 

Multi-Propriedade

Cada produtor estará associado a uma ou mais propriedades seja como proprietário ou participante de sociedade.

Evolução 

O LCDPR é parte do SPED - Sistema Público de Escrituração Digital. O FarmPlus - LCDPR está pronto para evoluir seguindo as mudanças de layout e evoluções habituais. 

Em nuvem

Seus dados estarão sempre seguros e possibilitando a você ter acesso aos mesmos a partir de qualquer local usando a Internet.

Recursos para Agilizar a Manipulação de Grandes Volumes de Informações

Visão anual ou mensal, filtros de coluna, seleção múltipla de registros...

Imagine que seja necessário classificar com o mesmo tipo de lançamento ( Despesas de Custeio e Investimentos por exemplo ), 100 lançamentos de um mesmo fornecedor. Neste caso basta filtrar os lançamentos pelo nome do fornecedor, usar a o recurso "Seleção múltipla" para marcar todos os lançamentos filtrados e aplicar através do recurso "Ajuste múltiplo" a classificação desejada para os lançamentos. Desta forma, em poucos segundos a operação será realizada para todos os lançamentos selecionados. 

A ferramenta certa para seu LCDPR

Evolução

Como acontece com as NFe, SPED Fiscal e outros componentes do SPED, deverão ocorrer evoluções no layout do LCDPR. Nossos planos contemplam estas implementações.

Do tamanho certo

Nossos planos contemplam as necessidades tanto de prestadores de serviço individuais quanto de escritórios que atendem grandes bases de clientes.

Praticidade

Nossos softwares são projetados para serem simples e eficientes. O LCDPR é fácil de usar visando levar aos clientes eficiência máxima no lançamento das informações.

Origem do Livro Caixa Digital do Produtor Rural

No mês de novembro de 2018 foi publicada Diário Oficial da União , a instrução Normativa RFB nº 1.848 que instituiu o Livro Caixa Digital do Produtor Rural ( LCDPR ). A documentação da Receita Federal quantos aos procedimentos de geração do LCDPR foi atualizada pela última vez em 14/12/2018.

Que produtores deverão gerar o LCDPR ?

A Receita Federal definiu uma escala progressiva de renda para a obrigatoriedade de escrituração através do Livro Caixa Digital.

Da mesma forma que nos demais componentes do SPED ( Sistema Público de Escrituração Digital ), ano a ano irá aumentando a abrangência da obrigatoriedade.

A escrituração deve ser feita ao nível de cada propriedade.

A partir de quando ?

Todo o movimento ocorrido já a partir de janeiro/2019, deverá ser escriturado, para apresentação a Receita Federal em 2020 seguindo o prazo da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física. Assim é importante estar preparado já a partir deste início de ano para que as informações possam desde já estarem organizadas de forma compatível com a geração do arquivo do ano de 2019.

A estrutura do arquivo a ser enviado para o LCDPR segue a mesma linha de layout que os arquivos atualmente definidos para os arquivos do SPED muito embora, sejam mais simples devido ao escopo mais restrito das informações a serem enviadas.

A documentação disponibilizada pela Receita Federal quanto ao layout das informações e orientações quanto ao preenchimento das mesmas se encontram disponíveis neste endereço.

Após a geração do arquivo, o mesmo deverá ser assinado digitalmente para seu envio a Receita Federal.

Estrutura do arquivo a enviar
O layout definido pela Receita Federal segue a mesma linha da estrutura dos arquivos atualmente gerados no SPED Fiscal onde há um bloco de abertura, um ou mais blocos intermediários e um bloco de encerramento.


Bloco 0

Neste bloco estarão os parâmetros da apuração e informações identificando o produtor, suas propriedades, condôminos que exploram os imóveis em conjunto com o produtor declarante e a identificação de suas contas bancárias.




Bloco Q

Neste bloco estará todo o movimento das receitas e despesas ocorridas a nível de cada operação de pagamento ou recebimento realizada. As informações a serem escrituradas são :

- A data da entrada ou saída dos recursos.
- A identificação da propriedade onde ocorreu a operação.
- A conta bancária onde ocorreu a movimentação.
- O número do documento.
- O tipo de documento ( nota fiscal, fatura, recibo, contrato, etc )
- Um texto com o histórico da transação.
- O CNPJ ou CPF da empresa ou pessoa associada a operação.
- O tipo de lançamento a partir de uma tabela de classificações definida pela Receita.
- O valor da entrada de recursos
- O valor da saída de recursos
- O saldo

Fechando o bloco Q estará um registro com um sumário dos valores movimentados no mês e o saldo no final do mês.

Bloco 9

Este bloco deverá conter informações relacionadas a quantidade total de registros enviados em todo o arquivo


A Receita Federal vem gradativamente expandindo e sofisticando seus mecanismos de coleta de dados dos contribuintes em todos os setores da economia.

O SPED – Sistema Público de Escrituração Digital, é hoje uma realidade que torna a Receita Federal do Brasil uma das mais eficientes do mundo na utilização de recursos tecnológicos para controlar a arrecadação.

A NF-e ( Nota Fiscal Eletrônica ), a NFC-e ( Nota Fiscal Eletrônica ao Consumidor Final ) e o CT-e ( Conhecimento de Transporte Eletrônico ) entre outros componentes do SPED, são hoje uma realidade que possibilita ao fisco, o acompanhamento de vendas e movimentação de cargas em tempo real.

A vinda do Livro Caixa Digital do Produtor Rural chega este ano juntamente com a possibilidade das Notas Fiscais Eletrônicas de Produtor Rural serem emitidas usando o e-CPF,

Desta forma o agronegócio vai entrando cada vez mais na malha de controle de informações do SPED.

Estas novas demandas trazem ao produtor, a necessidade de organizar adequadamente seus controles financeiros. Desta forma, poderão com certeza resultar ganhos na gestão pelo acompanhamento mais preciso das receitas e despesas da empresa rural.

A linha de softwares para FarmPlus  leva aos prestadores de serviços e produtore rurais a possibilidade de gerenciar sua propriedade com eficiência de forma integrada e atender necessidades como a geração do Livro Caixa Digital.

Paraná Sistemas
Soluções para o agronegócio

FONE:
41-4042-2407

Whatsapp
41-9-9847-3357